3 pérolas do tamanho da lua

Os dias não são fáceis, fiquem com 3 temas clássicos que de alguma forma me carregam as baterias (quer para limpar feridas de derrotas, quer a acompanhar um suposto vinho para celebrar conquistas ou simplesmente para acompanhar o suspiro quando o telefone deixa de tocar e o mail pingar).

NICK DRAKE (1969)


SCOTT WALKER
(1967)

SKIP JAMES (1931))

O que seria a vida sem músicas destas?

Comentários

Comentar
  1. Rodolfo

    e se me permites uma achega: ali entre o scott e o nick, metia o bill fay.

  2. Adriano

    E era bem metido sim senhora! Já agora que tema escolherias?

  3. Rodolfo

    não sei – :D – aqui no emprego não consigo ver as músicas que escolheste… chegando a casa logo te digo ;)

  4. Rodolfo

    ok, já ouvi as selecções.

    http://www.youtube.com/watch?v=wEMlH_a-ERc&feature=related

    Scream in the Ears

    mas podia ser também

    http://www.youtube.com/watch?v=sNDeDSgtpvk&a=cEJEe5sueq0&playnext_from=ML

    Don't Let My Marigolds Die

    (adoro Bill Fay… podiam ser uma data delas até!)

    Do Nick Drake gosto muito, mas o Scott… caramba, que portento!

    Tenho uns quantos albuns (Scott, 2, 3, 4, Scott Walker Sings Jack Brel, 'Till the Band Comes in, Tilt e o Drift) e cada um deles, do seu modo e no seu tempo, são trabalhos de um verdadeiro Artista.

  5. Adriano

    O Scott Walker é um caso único de amor/ódio. Os dois últimos trabalhos (Tilt e Drift) são absolutamente únicos e inpenetráveis nas primeiras audições. Recomenda-se a insistência.

    Boa sugestão do Bill Fay!

  6. ::Andre::

    E para quando um vinho a ouvir discos? Alguém tem uma casa grande?