A Gata do Doom: (gosta do) François de Nomé

Les Enfers (1622)

Quem gostar de Blut Aus Nord deverá reconhecer o quadro acima como sendo o que figura na capa da primeira edição (infelizmente limitada a 1000 cópias e por isso ainda não a tenho) do maravilhoso Memoria Vetusta I – Fathers of the Icy Age. O seu autor, François de Nomé, foi um pintor do século XVII que durante muito tempo esteve associado ao nome Monsù Desiderio, que englobava na verdade o trabalho de pelo menos três artistas da época, e a maior parte dos seus quadros representam cenários fantásticos pós-apocalípticos. Podem ser encontrados quadros seus em museus como a National Gallery (Londres) ou o Hermitage (São Petersburgo).

Comentários

Comentar