Ainda se fala de 2011? Peter Evans

13. Peter Evans – Ghosts [More Is More]
Peter Evans é um trompetista cujos discos onde se envolve rodam com frequência por aqui e não é coincidência. Este Ghosts, em formato quinteto, é um disco rico balanceado entre o post-bop e o free jazz, e se hoje fazemos vénias a mestres como o Brötz ou o Parker, preparemo-nos para o mesmo que ele lá chegará. É deixar que bata nos ouvidos. É enorme!

Comentários

Comentar