Amplificasom 2006-2012 por Zé Reis… ou será o Miguelito?

Foi com um misto de espanto e agrado que no fim de semana, enquanto andava na net a fazer aquilo que os gajos fazem na net, recebi o vosso mail a convidarem-me para escrever qualquer coisa sobre o vosso 6º aniversário.

Caramba… 6 anos? Parece que foi ontem que vos conheci na fila do caldo verde no Santoinho…
Ainda me lembro, como se fosse ontem, dos vossos olhitos brilhantes quando falavam daquele que iria ser o vosso primeiro evento, enquanto se deleitavam com malgas de verde tinto ao som do rancho da casa do povo de Chafé a apreciar os generosos decotes das senhoras da barraca da chouriça assada.

Não sabem as pessoas que rumo teria tomado a história, se a agenda da Ana Malhoa não estivesse preenchida no dia 10 de Novembro de 2006… Acabaram por se desenrascar com os estrangeiros que conheceram na estação de serviço. Perdeu a Ana, ganhámos nós…
Não estive nesse concerto, nem em muitos outros que organizaram depois desse, porque estou sempre muito ocupado. Mas confesso que fico sempre com um vazio na alma por não ir…

Mas, tal como o James Murphy estava lá em 1974 nos primeiros ensaios dos Suicide, também eu estive lá em 2009, no Passos, a ver os Earth e no SdB a ver os Isis e em 2010 nos Shellac e em 2011 a ver os OM… e estive num barco… e numa fábrica que não é uma fábrica… e no primeiro Fest… e em tantos outros que estes miúdos, que no fundo gostam é de caldo verde, ranchos e generosos decotes, nos presentearam nos ultimos anos.

Que contem muitos mais.

Parabéns e um grade abraço do vosso amigo,
Miguelito

PS: Anexo ficheiro com a lista das bandas que quero que tragam cá.

Comentários

Comentar