Catacombe – memoirs EP [2008]

Pedro Sobast vai dar que falar, ou melhor, já está a dar que falar. Para quem [ainda] não sabe, Pedro Sobast é o idealizador desta entidade privada denominada de Catacombe e é um rapaz com gosto.
Memoirs, o primeiro registo, é fruto da maturação de ideias e influências que afloravam no seu universo musical, e é a prova de que não são precisos os melhores meios para se atingir o fim desejado. Integralmente composto, tocado e produzido pelo próprio no seu “home studio”, demonstra uma fluidez extraordinária, resultante da plácida manifestação de emoções transversal aos diferentes retalhos sonoros. Ele conhece os territórios em que se move, e a assunção de influências não é vergonhosa nem deslustra o resultado final, sente-se a expressão instrumental delicada de Isis, Explosions in the Sky, Katatonia, Cult of Luna ou Red Sparowes, num vocabulário familiar que transforma o som em imagem e estimula diferentes sentidos.
Vamos esperar para ver se, com a ajuda de outros músicos, o objectivo de levar os Catacombe para os palcos se torna possível, a experiência seria certamente do melhor.
De referir ainda a excelente apresentação em que o conteúdo musical vem inserido. Um layout simples mas muito original com um embrulho e uma rodela compacta a fazer lembrar um vinil, e que pode ser vosso por uns míseros 3,00€ + portes. É favor comprar!

Comentários

Comentar
  1. naSum

    Já tinha ouvido umas coisitas à uns tempos no myspace. na altura achei bastante engraçado. vou ver se encomendo ^_^

  2. Melancolia

    Catacombe é sem dúvida um projector interessante e “Memoirs” é a banda sonora ideal para uma road trip por paisagens áridas e perturbadoras… Gostei bastante!

    PS – Talvez um dia leve “Memoirs” para a minha VIAGEM pela Route 66.

  3. Juan Cruzes

    Foi muito bom conhecer esse maravilhoso projeto de um músico português, obrigado!

  4. Scometa

    Eu ouvi dizer que o Pedro era gay e que costumava cantar nu no coreto de Macieira.

  5. Catacombo

    Epa, ò Scometa, ser gay e cantar nu ainda vá que não vá, agora cantar no coreto de macieira, fdx, isso não. LOL

    Bem, queria agradecer a todos o interesse demonstrado, e tb ao pessoal da Amplificasom por todo o apoio que tem dado ao projecto.

    Cheers

  6. Crestfall

    Cantar nu é fixe, no duche deve haver muita gente a fazê-lo.

    Oh catacombo, queremos essa “banda” na estrada ;)

  7. ::Andre::

    Também gostei muito, no entanto não quero gastar já o meu melhor elogio pois acredito que pode ir mais longe.
    Concordo quando dizes que ele conhece os território em que se move, mas há por ali alguns clichés que podem desaparecer quando a banda estiver completa. Espero sobretudo que ele arranje um baterista criativo, cumpre no EP mas não é suficiente. De resto, pode contar connosco para futuros voos. E sim, a rodela é linda e original!!! Recomenda-se ;)

  8. Leandro Soubast

    Só fazer um reparo ao André.. O baterista do EP não é algo que se possa considerar físico :D
    Mas pronto, a “Live Crew” parece estar pronta e a seu tempo a jornada de Catacombe começará…