Fire! Orchestra

Mats Gustafsson é daqueles tipos que grava mais do que dorme e perde alguns ouvintes que se fartam só de ouvir o nome, mas isto merece muito carinho. Não é o típico free jazz impenetrável que afasta quem acha que é masturbação musical, está sim no espectro dos lançamentos que nos fazem prestar atenção a algo que temos ignorado por ser duro de roer e que se calhar devemos insistir.

Gravado ao vivo com a voz e bateria dos Wildbirds & Peacedrums este lançamento assume-se facilmente como uma sério candidato a descobrir nas listas do melhor do ano lá para Novembro.

Comentários

Comentar