Furze – U.T.D. (Candlelight Records 2007)

Nos tempos que correm alguns músicos persistem em manter a chama do Black Metal agarrada às suas raízes mais primitivas, fazendo-o de uma forma tão intensa como quando surgiram os primeiros pedaços de gelo há alguns anos atrás. Falo por exemplo de Wrest (Leviathan), Malefic (Xasthur) e J. Reaper (Furze). Este último surge agora com U.T.D., um disco que pode ser dividido em duas partes, cada uma com quatro temas. A primeira, “Beneath the Odd-Edge Sounds to the Twilight Contract of the Black Fascist” com uma abordagem mais tradicional, mais crua e rápida – participação de Frost (Satyricon e 1349) na bateria. A segunda parte, “The Wealth of the Penetration in the Abstract Paradigmas of Satan” mais experimental sem nunca fugir muito da fúria em chamas. O que aqui temos é um manifesto fora do seu tempo e por isso com margem para deixar marcas – guitarras cortantes, distorção lo-fi, uma besta a tresandar a Darkthrone, Mayhem… Niilismo, uma voz que arde em desespero e o necro que rasga. Surgem ainda algumas toadas ambientais, assim como andamentos mais “básicos”, mais Rock – ataques de perversidade que tudo destroem. Um dos melhores discos de Black Metal deste ano. Frieza eterna.

Comentários

Comentar
  1. Crestfall

    Esses titalus… LOL. Nunca fui adepto desta vertente, salvo raras excepções, mas talvez tente ouvir isto.