Heinrich Maneuver

Viciante esta nova dos Interpol. A mudança para uma major não parece tê-los afectado e a julgar por este primeiro single “Our Love to Admire” vai ser mais um grande álbum com o típico som Interpol. Esta banda é daqueles casos em que me é indiferente encontrar a evolução no som, algo diferente. Aqui o que interessa são as canções, as boas canções, e nem o facto de Paul Banks soar a Michael Stipe me incomoda.

Dia 5 do próximo mês não estarei em Lisboa mas espero que voltem no outono… Coliseu??

Comentários

Comentar
  1. Crestfall

    Esta música não é má, mas tb não é nada de especial, ouve-se…

  2. Crestfall

    hummm não, é mero interpol morno, qb seria mais um bocadinho.

  3. Pedro

    Espero arranjar boa estadia em Lisboa e se tudo correr bem vejo essa tropa toda no sbsr.

  4. ::Andre::

    Depois liga-me pá!! Embora isto soe um bocadinho gay…

  5. Kordump

    num estao a sofrer um nadinha do sindroma RATM? i.e., soa sempre ao mesmo?

  6. ::Andre::

    Tal como referi no tópico, há bandas que não espero evolução. Há bandas que como no caso dos Interpol espero apenas boas canções e isso já me satisfaz.

  7. Crestfall

    Tb não esperava “evolução”, só não achei esta música grande coisa.

  8. Kordump

    a ausencia de evoluçao tem tendencia a encher-me de tedio e de procura de outras bandas. e acaba por ser triste que gente que refrescou tanto os meus ouvidos aqui ha uns anos agora os consiga aborrecer (um bocadinho so, admito…)