Interpol: regresso às origens em 2010

É o que se diz por aí, os Interpol vão regressar à sonoridade do fabuloso Turn On the Bright Lights já no próximo álbum com lançamento previsto para o início do próximo ano. A imagem em cima não é nada mais que “fan art”, mas serve de convite para um regresso também às boas capas.

Comentários

Comentar
  1. the_Gathering

    Por acaso ainda ontem tinha ido ao MySpace destes cheirincar o que andavam a tramar ao ouvir o TOTBL ahah

  2. Neuroticon

    Agrada-me que os Interpol tenham espaço aqui no blog…
    A meu ver, o Turn On The Bright Lights é um dos melhores albuns da década!

  3. Tomé

    Não gosto nada quando uma banda diz que vão regressar ao som mais antigo, que só por acaso é o que teve mais sucesso. Parece-me forçado depois de talvez os próprios não terem gostado tanto do último álbum, e digo que fiquei triste ao ler isto, porque não só eu gostei imenso do último álbum (não é nenhum TOTBL mas ainda assim devorei completamente) como os admirava como artistas e virem dizer isto não me agrada nada, acho que uma banda deve sempre ir com a corrente e nao pensar no passado… mas bom, não vale a pena tar a queixar-me sem ainda haver música

  4. ::Andre::

    Tomé, um comentário do género não implica que se venham a "vender". Eles evitaram repetirem-se ao longo desde curto percurso, mas gostos à parte, o TONTBL é O álbum dos Interpol. Tentar que o próximo soe parecido não me parece desonesto. Usando as tuas palavras, a corrente actual deles pode ser mesmo essa…

  5. Tomé

    Sim, se assim for, se o som que estiver a aparecer naturalmente seja algo que, na opinião deles, é de volta ao TOTBL, tudo bem… e se isso acontecer e soar bem, epá óptimo! só não me agrada se isso for de alguma forma forçado e der para o torto..

  6. Tiago Esteves

    Adoro Interpol dass. Voltem ao passado, idem po futuro, pouco de importa.

  7. Nuno Lobão

    Adoro o TOTBL e o Our Love To Admire. São dois albúns excelentes apesar de serem diferentes e discordo totalmente quando dizem que o último foi o pior deles todos…na minha opiniao considero-o um dos melhores albuns, muito melhor que o Antics. É apenas a minha opinião. Concordo com o Tomé no que diz respeito a voltar ao passado. Espero que nao seja nada de forçado. Por mim podiam continuar na onda do Our Love to Admire ;) Vamos la ver o que aí vem…só depois de o ouvir é que se pode falar em concreto.

  8. Crestfall

    Veremos quão real será o regresso ao passado. Sendo o Our Love to Admire o álbum que menos aprecio, longe de mim considerá-lo como um tiro ao lado, por isso qualquer coisa que venha não deverá ser má.

  9. Pedro Nunes

    Gosto de todos os discos. Venha o próximo…

    pedro nunes