Arquivo



Tema e Variações: E Depois do Adeus

“He knew everything about literature except how to enjoy it.” A frase surge no “Catch-22” do Joseph Heller, mas todos nós conhecemos alguém assim, seja ligado à literatura, ao cinema ou à música. Prosseguindo com a ideia da semana passada, a música enquanto arte requer mais esforço da nossa parte para aproveitarmos tudo o que ela tem para oferecer, mas parece […]

Tema e Variações: 2 Mil Anos Depois Entre Afrodite e Ares

That's just, like, your opinion, man.

Esta rubrica está quase a terminar e ainda não ataquei um tópico que está subentendido em tantas discussões: a música é arte ou entretenimento? Aceitamos que possa ser as duas coisas, embora se repita exaustivamente que “gostos não se discutem”. Se um portista e um benfiquista podem discutir a […]

Tema e Variações: Música do Povo

Com os dois últimos textos despachámos as questões ligadas à música “erudita” e à “world music”. Algures entre essas duas situa-se a música “do povo”. Aqui há mais problemas terminológicos porque, ao passo que música clássica, erudita e literata são sinónimos, música popular e folclórica são coisas diferentes.

O folclore é um termo bastante familiar para nós, até porque a variação na música […]

Tema e Variações: Pela(s) Música(s) do Mundo

Combinando o texto da semana passada acerca de música clássica (ou literata) com a (relativamente) recente notícia do falecimento do Paco de Lucia, tentarei esta semana dar continuidade à problematização de algumas expressões que nos habituámos a usar, por vezes sem as perceber totalmente. Para tal, o texto do Manuel A. Fernandes sobre world music pode servir como mote.

Devo […]

Tema e Variações: Música Sem Classe

Escrevi, em 2012, uma série de textos para a Amplificasom, todos eles ligados a compositores do século XX, mas já aí senti um problema que preferi ignorar: usei inúmeras vezes a expressão “música clássica”, sabendo perfeitamente que ela está um pouco errada, mas que isto é uma luta difícil de travar. Já que me voltaram a dar tempo de antena, vou […]

Tema e Variações: Pré-Audições

No primeiro texto deste mês comentei muito brevemente que a gravação de música alterou profundamente a nossa relação com essa arte. Na Grécia Antiga, as 6 grandes artes eram divididas entre as visuais, baseadas no espaço, e as musicais, baseadas no tempo. Durante milénios, essas últimas (música, dança e poesia) estavam circunscritas a um único momento; era possível imitá-las, mas não […]

Tema e Variações: O Caso Babymetal

As Babymetal já existem há uns anos, mas o lançamento do álbum de estreia no fim do mês passado e o marketing bem planeado permitiu o surgimento de um hype enorme. Em pouco mais de uma semana, três dos seus singles viriam a ultrapassar os 2 milhões de visualizações (mais do que qualquer vídeo de Morbid Angel ou de Opeth […]

Tema e Variações: Pianistas Invisíveis

Costumamos pensar no vinil como algo “retro”, embora o formato com as características que actualmente conhecemos tenha aproximadamente a mesma idade que o Michael Gira que por cá passou na Terça-Feira. Quase 100 anos antes do surgimento deste formato, Léon Scott criou em França o fonoautógrafo que, como o nome indica, era um mecanismo automático para escrever (captar) sons, não […]

Tema e Variações: Digital e tal

Na semana passada, após um texto sobre o vinil, recebi uma resposta que me motivou a estender a discussão ao digital. A gravação de um vinil pode ser feita de forma inteiramente analógica (processos eléctricos são diferentes de processos digitais), mas o processo de gravação de um CD, embora tenha algumas semelhanças com o do vinil, já se serve de informação […]

Tema e Variações: Discossões

Há muitas pessoas que só compram vinil e que insistem que esse é o melhor formato. O interessante sobre esta discussão é que deixou de ser apenas vinil vs. CD, mas também vinil vs. digital, não tendo isto afectado muito os argumentos habituais dos apologistas do vinil:

“O vinil soa melhor”: há quem chegue a esta conclusão com base nos discos de […]

Tema e Variações: Compre Som

Que há mais pirataria hoje em dia, já todos sabemos. Que a indústria está a mudar, idem aspas. Mas há ainda muita gente a comprar música, e esta não precisa de ser uma prática irreflectida. Habitualmente espero uns largos meses antes de comprar algo, para determinar se estou só a ir atrás de um hype ou se o álbum tem de […]

Tema e Variações: Compressom

Se nos fosse imposta a escolha entre ficarmos surdos ou cegos, a maior parte das pessoas optaria pela surdez. O motivo é simples: a visão é o sentido mais fundamental para a vida em sociedade, para a nossa orientação, até para a realização das tarefas mais básicas. Mas curiosamente, para além de raramente pensarmos na culinária ou na criação de perfumes […]

Tema e Variações: Piiiiiii

Na semana passada falei de percursos musicais, hoje aproveito e falo de percursos auditivos. Mais tarde voltaremos à questão das bandas “boas” e “más”. Se o tom de hoje for um bocado professoral, há um motivo simples: quanto mais óbvio for o texto, mais probabilidades de ele ser compreendido por todos.

Toda a gente sabe que alguns estilos são mais dados […]

Tema e Variações: Guilty Pleasures

De Bach a Zeca Afonso, de Madredeus a Eminem, de Linkin Park a Metallica, de Opeth a Dead Can Dance, de Bohren a Arvo Pärt (e de Arvo Pärt a Bach)

Só muito recentemente é que me apercebi que o meu percurso musical foi tão incomum quanto natural. Quer queiramos quer não, todos […]

Tema e Variações

Theme and variations: a standard form of musical composition consisting of a simple melody presented first in its original form, then repeated several or many times with varied treatment so based on the theme that at least some semblance of its general form is evident

É impossível recusar um convite para o blog da Amplificasom, não por eles serem uns tipos porreiros, mas porque precisam claramente de ajuda. Senão vejamos:

Ser do Norte não é desculpa para não se saber escrever “Amplificação”; Passar noites sem dormir para agendar concertos de […]