Toby Driver sobre o Coyote

“On this one, I wanted to use the aesthetic of 80’s art-goth electric bass – bridge picking, lots of chorus, and frequent use of the open G string – in the context of modern-composition as opposed to straight-up riffs. The two main bands that influenced my perception of that sound were The Cure and Faith And The Muse. Melodically, I was influenced by the amazing trumpet tone of local composer Tim Byrnes, the soprano sax playing of another of our local composers, Matthew Welch, and then the Mujician and/or Ornette sax/trumpet unison duets of the 60s. The darkScott Walker you hear is definitely intentional, and I think the Goblin is just a result of the gear we used (Korg Poly6 in this case). I’m trying to reclaim goth for those of us who love the aesthetic but want something more sophisticated. We all were reading the Vertigo comic “House of Mystery” while in session, too. ha!?”
Toby Driver in Brooklyn Vegan

Comentários

Comentar
  1. Ricardo Guimaraes

    Deste álbum, tenho um pouco de medo do que vem aí….

    Parece-me um pouquinho pretensioso,mas sendo eles das minhas bandas favoritas de sempre, dou-lhes o benefício da dúvida.

    É uma mudança demasiado radical, até para eles.

  2. Crestfall

    Pretensioso só se for pelo "but want something more sophisticated" :) Anyway, promote.

  3. Ricardo Guimaraes

    Meu caro Senhor Crestfall,

    Acho que a sofisticação não é uma palavra que se enquadra a quem faz música.

    Quem a ouve pode dizer sim, é sofisticada e tal…. avantgard/experimental….

    Agora, na minha opinião (opinião não um facto) um músico não pode empregar o termo sofisticado nas canções que compõe… pode dizer que quer ir mais além ou ter mais atenção em certos detalhes musicalmente relevantes para as suas composições….

    E pretensiosmo na música é, digamos, uma faca de dois gumes…. e conhecendo o trabalho deste senhor, não a fundo mas sigo os trabalhos dele com bastante assiduidade, eu diria que é pretensioso até para ele que faz obras musicais de grande grande qualidade. Por isso, acuso-o de um certo pretensiosismo "saudável".

    O Homem tem a queda toda para a fusão de estilos e compreensão profunda de música… mas vá com calma eheheheh.

    Sempre bom puder debater e esmiuçar estas cousas da música :P

  4. Crestfall

    Mas eu concordei ctg. Sem desenvolver, disse isso :D

  5. ::Andre::

    Isto não tarda aparece na loja do pássaro, não? E DEP? Até já há críticas por aí…