Twin Zero – The Tomb to Every Hope

Infelizmente estou de volta a este antro (A melancolia também deve estar aí a aparecer) e o nosso amplificador júnior foi OUTRA VEZ de férias! boa vida, carago!
Ao menos é um bom moço, depois de muita insistência lá me arranjou o novo Twin Zero para eu levar de férias.

Foi no início de 2005 que os Twin Zero editaram o seu (excelente) disco de estreia, Monolith. Esta espécie de super-grupo britânico (composto por membros de Earthtone9, Vex Red e Subvert), despertou-me curiosidade graças à presença do vocalista dos extintos Earthtone9. Sensivelmente 18 meses depois chega-nos o sucessor, The tomb of every hope, os tempos dos títulos imponentes de uma palavra apenas já era (Monolith, Oceanic, Leviathan :-s).
O disco começa de forma calma e minimal à imagem do que acontecera no anterior, mas de uma forma menos tribal, desenvolvendo uma tensão que culmina no descerrar das guitarras no começo da 2ª faixa. Em The tomb of every hope cada música é independente e pode existir por si só, mas apesar desta não ser uma viagem conceptual como acontecia no disco anterior, em que o tema principal estava dividido em várias faixas que constituíam diferentes partes mas funcionavam como um todo, as músicas parecem ter um fio condutor na melodia que as fazem fluir com extrema facilidade e “encurtam” a duração do álbum.
Neste segundo disco provam que tem já uma sonoridade bem própria e perfeitamente distrinçável dos demais e conseguem moldar as variações de intensidade de forma única. A maneira como jogam com essas variações, quer a nível instrumental quer a nível vocal, são o principal mérito dos Twin Zero. As diferentes vocalizações de Karl Middleton são ambas cativantes e familiares para quem conhece Earthtone9 e a muralha sónica intercalada com as partes atmosféricas provoca uma destruição controlada de tímpanos incautos no mesmo intervalo de tempo que lhes dá momentos de descanso etéreo.
Adeptos de Art Rock/Prog Metal Hardcore, aficionados por Aereogramme, Cult of Luna, Oceansize, Coheed & Cambria, Tool, Neurosis ou outros que tal, não percam isto!

A edição deste disco vem acompanhada de um segundo (precioso!) CD com 4 remisturas de temas do primeiro álbum.

http://www.sendspace.com/file/eht8hu

Comentários

Comentar
  1. Melancolia

    Antro? O blog? ou Antro? Local de trabalho? LoL

    Bem, acho que estou mesmo a precisar de férias… Não se aguenta… voltar ao trabalho :)

    Parabéns pelo texto, estás a ficar um verdadeiro verborreico :)

    Aguarda-se pelo fim das intermináveis férias do Júnior para se marcar um encontro amplificador…

  2. Crestfall

    Antropológico! Isto aqui é uma verdadeira sala Antropológica.

    Ele está sempre de férias… só deve voltar aqui a 2 meses.

  3. Disasterpieces

    album espectacular sim senhor, tb fizeram um split ep chamado 27:00 mas esse é quase impossivel de se encontrar. e se aprecias o karl middleton devias procurar também por The Blueprint :p