Um resumo de Janeiro

Obrigado a todos os convidados por tornarem este um blog mais interessante. Continuem-se a divertir em Fevereiro! Em baixo, um resumo do mês que acabou de passar:

Segundas – Filipe Santos e as suas Visões DOOMundo
Visão DOOMundo: Deliciosamente Depressivo
Visão DOOMundo: Estabelecimentos Rock & Metal em Portugal
Visão DOOMundo: Mississippi
Visão DOOMundo: Dubstep & Glitch
Visão DOOMundo: Influência Kerouac

Terças – Pedro Nunes, os seus heróis e os métodos
Os Heróis e o Método: Black to Comm e as suas formulações…
Os Heróis e o Método: ler um mapa musical com a lupa de Giuseppe Ielasi
Os Heróis e o Método: Os heróis que rodaram esta semana…
Os Heróis e o Método: Dreamcolour – Ou como os óculos 3D caíram na sopa de cogumelos
Os Heróis e o Método: os heróis que se mantiveram firmes no leitor esta semana
Os Heróis e o Método: o regresso mal amado dos heróis dos Oitentas
Os Heróis e o Método: aquela que pode vir a ser a melhor classe de 2012
Os Heróis e o Método: A Casa dos Heróis Reformados
Os Heróis e o Método: Rádio Livre
Os Heróis e o Método: Os Provocadores
Os Heróis e o Método: Sons da Semana

Quartas – André Forte e os seus discos
Disco Forte da semana: Getting Paid
Disco Forte da semana: How Little Can Be The Orchestra
Disco Forte da Semana: Hecate
Disco Forte da semana: Dodecahedron

Quintas – Tiago Baeta Luís e as suas polaroids
OCULARCHIPELAGO I
OCULARCHIPELAGO II
OCULARCHIPELAGO III
OCULARCHIPELAGO IV

Sextas – Tiago Esteves e as suas viagens
Fui ao Porto e estive no… Amplifest
Fui a Berlim e vi os Skinny Puppy
Fui a Londres e vi Fever Ray
Fui a Edimburgo e vi o Morrissey

Comentário

Comentar